623239-1919
6299203-1700

Cada ambiente, um tipo de cortina

tipo de cortina para o ambiente

A escolha das cortinas para sua casa pode ser feita de acordo com o seu gosto pessoal e por essa razão, podem ter comprimentos, cores, tecidos e detalhes diferentes. Mas vale lembrar, que as cortinas precisam atender às necessidades do ambiente. Ou seja, cada ambiente possui um tipo de cortina correto.

Para a seleção ideal, o portal Dicas de Mulher reuniu algumas dicas básicas para você fazer bonito na hora de montar a sua casa:

Tecido

A escolha do tecido para cortina faz toda a diferença no resultado final em cada cômodo da casa.

Para não errar na escolha do tecido da cortina, a principal dica é escolher um tecido liso ou estampado que traga uma tonalidade aproximada ou igual a algum elemento do ambiente. Para dar suavidade em locais com paredes e pisos escuros, escolha cortinas com tonalidades calmas e detalhes superiores.

Se o objetivo é ter uma luminosidade suave no ambiente, os tecidos como voal, chiffon, gaze de linho e organdi em cores claras como o branco, bege e transparente são boas opções. São tecidos que apresentam um ótimo caimento e deixam locais como a sala de estar e jantar com um toque de elegância e delicadeza.

Modelos de cortinas pesados, cheios de sobreposição e detalhes muito carregados devem ser deixados de lado. Para ter um ambiente harmonioso e moderno, opte por um tipo de cortina com tecidos leves e modelos simples que sejam fáceis de combinar com o restante da decoração.

Para proteger do excesso de luminosidade, use tecidos mais encorpados como linho puro, seda rústica, brim e lona de tons mais neutros e escuros compostos com um forro (blecaute, tergal, náilon, gabardine e microfibra). Esse tipo de cortina para casa combinam com ambientes como quarto e escritório, onde é preciso ter um clima de aconchego e tranquilidade.

Apoios

Para pendurar a cortina, é preciso usar um trilho ou varão. Existem varões de diversos tipos e materiais e, para escolher, vale a mesma regra de optar sempre pelo que melhor se adapte ao ambiente.

Em seguida, é preciso tirar as medidas de altura e largura das janelas acrescentando sempre de 10 a 20 cm a mais nas laterais. Se a intenção for usar um tipo de cortina em tecido leve, tire as medidas e multiplique o total por dois ou três para dar mais volume e garantir um caimento perfeito.

Caso prefira uma cortina mais prática e com um material que não seja tecido, escolha as persianas. Além de modernas, elas combinam com qualquer decoração e ajudam a controlar melhor a luminosidade do ambiente.

As cortinas também podem ser usadas com detalhes em paredes ou servir como divisória de ambiente. Elas podem ser de outros tipos de materiais como plástico, feitas de contas, entre outros.

Escolha o melhor tipo de cortina para você!

Fonte: Dicas De Mulher

Comentários